A cura do feminino: Descubra como ter mais prazer nas relações

Diariamente eu recebo diversas mensagens de mulheres, desesperadas, em busca de uma cura para seus problemas sexuais. Falta de orgasmo, desconexão sexual, vaginismo e diversos outros problemas que afetam profundamente a vida de cada uma delas. Todas elas procurando a cura do feminino.

Isso porque nós, mulheres, passamos por um processo de repressão da nossa sexualidade, desde quando somos pequenas. Ouvimos diversas frases que nos castram mentalmente como: “menina, senta direito” ou “Não coloca a mão, é sujo”.

Depois, na adolescência ou na maturidade, somos desestimuladas ao auto toque. Raras mulheres tiveram a experiência de pegar um espelho e olhar sua Yoni, para conhecer sua anatomia.

No entanto, se não conhecemos nosso corpo, teremos pouca ou quase nenhuma habilidade sexual. Afinal, não temos consciência da nossa anatomia e do prazer.

A solução para isso é nos apropriamos dos nossos corpos, das nossas sensações e nos tornarmos, assim, realmente empoderadas. Donas do nosso próprio prazer!

Quando nos autoconhecemos e nos tocamos, começamos a honrar nosso corpo e nossa sexualidade. Com isso, vamos quebrando as vergonhas, os medos e os traumas.

Honrando nossa Yoni, ou seja, nossos genitais, passamos a nos honrar como mulheres.

Mas, afinal, como começar essa jornada? Quais os primeiros passos para iniciar esse processo de cura do feminino? No decorrer desse texto irei te dar algumas dicas para iniciar esse processo de cura do feminino através do prazer!

O primeiro passo para a cura do feminino é o autoconhecimento

Conhecer nosso corpo é o principal passo para iniciar nossa jornada. Como disse anteriormente, é necessário conhecer nosso espaço sagrado e nos honrar para termos mais prazer.

Nesse vídeo, eu explico um pouco sobre nossa anatomia interna e externa. Eu te aconselho pegar um espelho e identificar em você cada parte que eu apresento, tocando e sentindo a região explorada.

Comece mudar suas crenças sobre sexualidade

O segundo passo para iniciar seu processo de cura é fazer afirmações positivas sobre sua sexualidade e seu prazer. Isso altera sua frequência e passa a te direcionar para uma vida mais plena e orgástica, mudando suas crenças.

O vídeo abaixo trás uma explicação completa sobre o tema. Assista e depois elabore suas próprias frases.

Repita suas afirmações diariamente, sinta em seu coração como se já fosse real, pois é. Já está em andamento. Veja como essa prática tão simples é capaz de mudar completamente sua realidade!

Movimente sua pelve

O que é o mais profundo no nosso ser é a nossa pelve. Ela é a base estrutural do nosso corpo, determina a forma como caminhamos e vemos o mundo.

A pelve da mulher, é muito diferente da pelve do homem. Enquanto a nossa possui uma estrutura oval, necessária para dar à luz a dos homens lembra muito um coração.

Essa diferença torna nossa neurologia pélvica completamente diferente do homem. Além disso, cada mulher tem uma neurologia única, afinal, o entremear de nossas terminações nervosas é diferente de uma para a outra.

Por esse motivo, para liberar bloqueios e curar nosso feminino é essencial movimentar sua pelve e fortalecer sua musculatura.

Uma dica simples, mas interessante é: Comece praticar uma dança! Eu indico dança do ventre, mas qualquer uma que movimente sua pelve já é interessante. Sinta essa região enquanto você dança e liberte seu corpo.

Depois, traga esse movimento adquirido na dança para a relação sexual, co-crie esse momento com seu parceirx e sinta a relação fluir ainda mais!

Se você quer aprofundar ainda mais nesse processo de cura e se livrar completamente de medos, traumas e bloqueios que atrapalham sua sexualidade, então, conheça o meu curso Pompoar Tântrico: A Alquimia do Amor!

Nele, ao longo de 12 semanas iremos trabalhar juntas para dissolver o que te limita e alcançar níveis jamais imaginados de prazer!

As inscrições acabam HOJE e estamos com POUCAS VAGAS! Para adquirir o curso, basta clicar aqui.